“Assumimos com o compromisso de cuidar das pessoas”

Ao completar 22 anos de emancipação, prefeito fala das metas e desafios do governo

A cidade foi emancipada de Lajeado em 16 de abril de 1996 e oficialmente instalada em 1º de Janeiro de 2001. Para o prefeito Paulo José Grunewald, a emancipação política e administrativa trouxe profundas mudanças em todos os segmentos. “Alcançamos o sentimento de plena cidadania”, afirma.

O executivo projeta aplicar mais de R$ 4 milhões em obras de infraestrutura nos próximos meses. Entre os principais projetos, Grunewald cita a construção de uma ponte sobre o Arroio Alegre, asfaltamento de ruas, acostamento entre a área central até o parque de exposições e a conclusão do prédio onde será instalada a Escola de Educação Infantil. “Somos destaque em gestão e de cuidado com o dinheiro público. Fomos reconhecidos como a segunda cidade mais eficiente do Rio Grande do Sul. Assumimos com o compromisso de cuidar das pessoas”, enfatiza.

Quais as metas a serem cumpridas durante a sua gestão na agricultura?

Paulo Grunewald e Rene Becker -Hoje nosso governo cria novas oportunidades para todos. Com mais de 74,51% da economia baseada no setor primário, a administração municipal desenvolve mais de 40 programas de incentivo. O segmento gera R$ 31,6 milhões de valor adicionado por ano. Precisamos profissionalizar quem atua no setor e permitir o acesso às novas tecnologias. Tendo lucro, o jovem fica na propriedade. Ajudamos na execução de terraplenagens de forma gratuita ao produtor como forma de incentivo a expandir a produção. Auxiliamos na elaboração dos projetos e ainda pagamos um bônus por metro quadrado construído. Tudo tem o objetivo expandir a produção e melhorar a infraestrutura das propriedades. Permite elevar a renda e qualidade da matéria-prima. Isso é fundamental para garantir a sucessão.

A educação é uma das áreas prioritárias. O que será feito?

Grunewald e Becker - Trabalhamos para melhorar a infraestrutura da nossa escola. Buscamos a qualificação constante dos professores. Investimos R$ 680 mil em melhorias no colégio, entre elas a troca do telhado, colocação de toldos entre os prédios, calçamento do pátio, pintura das salas, instalação de laboratório de informática e em breve vamos colocar ar condicionado em todos os ambientes. Nos próximos meses iniciam as obras de remodelação do prédio de Centro de Curta e Longa Permanência. Ele será transformado em creche para atender até 110 crianças.

E na área da saúde, o que a população pode esperar?

Grunewald e Becker -  Na saúde somos referência em atendimento e cuidado com as pessoas. Contratamos mais médicos e aumentamos o valor aplicado, de 16% para mais de 21%, para desenvolver novos projetos com foco na prevenção. Em breve iniciamos aulas gratuitas nas academias e colocaremos em funcionamento as piscinas para oferecer aulas de hidroginástica e natação. Criamos um grupo de saúde mental, temos médico direto nas casas e retomamos o trabalho das agentes de saúde. Nos deslocamos até as comunidades com os profissionais para apresentar os projetos desenvolvidos e ouvir as sugestões da população. Tudo reflete em mais qualidade de vida para todos.

Quais os projetos de infraestrutura serão realizados?

Grunewald e Becker -  Uma das metas é construir uma nova ponte no centro sobre o Arroio Alegre. Faremos a pavimentação e abertura de novas ruas, a construção de acostamento até o parque de exposições, a recuperação da estiva na Vila Haas e faremos a compra de máquinas e equipamentos. Preservamos nossos espaços públicos como o parque de exposições. Realizamos a maior feira da história do município no ano passado. Percebemos que era o momento de inovar, ousar e reinventar o formato do evento, mas sempre com muita responsabilidade em nossas decisões. Foi um sucesso absoluto.

Considerações finais

Grunewald e Becker -  Vivemos um novo ciclo, e temos a missão de melhorar cada dia a qualidade de vida e tornar a cidade um bom lugar para viver e investir. Um município forte se constrói com planejamento e determinação, aplicando bem o dinheiro. O trabalho em equipe e o esforço de cada um é fundamental para que nossos projetos se transformem em desenvolvimento. Sei que temos muito trabalho pela frente, mas temos também a disposição, a experiência e a vontade de realizá-lo. Juntos, construiremos a Forquetinha que queremos: mais justa, mais unida, mais bonita, mais humana.

Fotos e Texto Giovane Weber – AI Forquetinha