Rampa facilita acesso ao posto

A ausência de rampas de acesso para deficientes, pessoas idosas e equipamentos como cadeira de roda e até mesmo macas, motivou a Secretaria de Saúde a construir uma rampa no prédio.


Conforme a secretária da Saúde, Habitação e Assistência Social, Heidi Grunewald, a obra atende uma antiga reivindicação dos usuários. “Muitos dos pacientes são idosos e têm dificuldade de subir ou descer escadas. Em casos de emergência, era preciso carregar as pessoas nas macas ou cadeiras de rodas”, explica.

A rampa será erguida na parte frontal do prédio e viabiliza o acesso dos veículos ao segundo pavimento onde estão localizadas as salas de atendimentos, recuperação, observação, consultórios médicos, farmácia e sala de espera.  “Em casos de urgência, quanto melhor o acesso, mas rápido podemos prestar o atendimento necessário”, destaca.


A empresa vencedora da licitação já iniciou os trabalhos e terá 60 dias para concluir o projeto. O investimento passa de R$ 69 mil.


Investimento necessário


O casal Paulo e Rejane Grunewald, 56 anos ambos, destacam a importância do projeto. “Meus pais eram atendidos muitas vezes dentro do carro, pois não conseguem mais subir ou descer escadas. Era uma reivindicação que eu já tinha feito na administração anterior”, comenta Paulo.


Rejane elogia o atendimento prestado. Para ela, os profissionais são extremamente atenciosos e qualificados, o que traz satisfação. “Está muito bom”, finaliza.


Foto Giovane Weber/Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Forquetinha